Mulher de presidiário é executada a tiros no Recanto dos Buritis

Um crime tipo de execução foi registrado na noite desta quinta-feira, 18, na região do Segundo Distrito da Cidade.
A dona de casa Maria Antônio Vieira dos Anjos de 33 anos, foi assassinada enquanto era atendida por uma manicure.
O caso ocorreu em um apartamento, que fica na Travessa Santa Rosa, no Bairro Recanto dos Buris, região do Segundo Distrito da Cidade.
O homicídio da mulher pode estar relacionado a guerra de facções criminosas.
Segundo informações, Maria Antônia era casada com um detento, que integra a organização Comando Vermelho.
Mesmo assim, foi a uma área dominada pela facção rival, o Bonde dos 13. A atitude da vítima foi encarada como uma afronta. Por isso, os criminosos decidiram matá-la.
A vítima, estava na companhia de uma filha, mas a vida da adolescente de 15 anos, foi poupada pelos bandidos. A Polícia Civil acredita que Maria Antônio estava sendo monitorada por membros de uma facção, já que mais cedo, também esteve na região.
O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios da Polícia Civil.
De acordo com informações apuradas no local, Maria Antônia tinha ao bairro “fazer as unhas”, mas enquanto era atendida por uma manicure, foi surpreendida por dois bandidos.
Um dos criminosos chegou a efetuar dois disparos contra a mulher, que não teve qualquer chance defesa. A vítima estava sentada e de costas para os executores.
Maria Antônia, de acordo com a polícia, era casada com um detento que faz parte da organização comando vermelho.
E o fato da mulher, ter ido a uma área dominada pela facção Bonde dos 13, foi tido como uma “invasão de território”.
O caso será investigado na Delegacia de Homicídios da Polícia Civil.

Fonte : Ecos da notícia

COMPARTILHAR