Polícia Civil prende açougueiro suspeito de comprar boi roubado em Rodrigues Alves

A Polícia Civil prendeu neste sábado (04) A.C.L, dono de um açougue do Bairro Miritizal, em Cruzeiro do Sul, por ter comprado carne de semovente domesticável de produção e procedência ilícita. O furto que originou a prisão do empresário ocorreu na madrugada de hoje numa fazenda no Município de Rodrigues Alves. Antes de transportar, o ladrão abateu o bovino e deixou um papel com o telefone do dono do açougue caído no local do crime.

Boi furtado na fazenda e comprado pelo dono do açougue foi recuperado e devolvido ao dono

O Delegado Rafael Távora do NEPATRI de Cruzeiro do Sul soube da informação e compartilhou com o Delegado Obetânio de Rodrigues Alves. Uma equipe de investigadores de Rodrigues Alves foi destacada para averiguar a informação o que gerou a prisão em flagrante do dono do açougue e a recuperação da carne inteira do boi furtado, de aproximadamente 180kg, ao legítimo proprietário.

A prisão foi uma ação conjunta da Polícia Civil por intermédio da Delegacia de Cruzeiro do Sul, pelo NEPATRI e DRACO/DENARC, e das delegacias de Rodrigues Alves e Mâncio Lima. A prisão em flagrante foi efetuada pela equipe de Rodrigues Alves e lavrada pelo Delegado Rafael Távora do NPATRI. Além da carne produto de crime, com o empresário foi encontrado um simulacro de arma de fogo.

Na abordagem a Polícia Civil apreendeu um simulacro de arma de fogo

O empresário A.C.L dono do açougue foi encaminhado ao presídio e pode pegar uma pena, caso seja condenado, de dois a cinco anos.

Por Ascom
COMPARTILHAR