Acre permanece na bandeira amarela, mas comitê teme 3°onda da COVID-19

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Saúde (Sesacre) e do Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19, anunciou na manhã desta quinta-feira (10) que todo o estado permanece na bandeira amarela (Atenção) por pelo menos mais duas semanas.

Isso se deve, segundo o grupo, à manutenção dos índices referentes à pandemia de coronavírus entre os dias 23 de maio e 5 de junho, período analisado para o atual nível de classificação de risco. Essa foi a 23ª coletiva para anúncio do cenário epidemiológico.

Para a coordenadora do Comitê, Karolina Sabino, não houve grandes mudanças no cenário. “No entanto, é importante que toda a população continue seguindo os cuidados orientados pelos profissionais de saúde e vigilância sanitária”, pontuou.

Com a manutenção das três regionais de saúde na bandeira amarela, não haverá alterações nos decretos sobre o funcionamento de atividades e serviços. Atualmente, todos os setores podem funcionar, porém com capacidade reduzida.
COMPARTILHAR